Intitulada “O imóvel além do imóvel”, a palestra do estatístico Marcus Araújo, fundador e presidente da Datastore, abordou como tema central as tendências e o perfil da nova geração de consumidores imobiliários, salientando a importância e a necessidade de criatividade, de inovação e de informação estratégica para os empreendedores imobiliários.

Se, no passado, morar em um apartamento grande e em condomínios com muitos itens na área de lazer era sinal de status e prestígio, a tendência agora é exatamente o contrário: área privativa reduzida, áreas de lazer mais compactas e bem equipadas, além de muitos serviços e tecnologia dão o tom dos investimentos mais assertivos já para a próxima década.

Menos é mais, resumiu Araújo, que tem viajado pelo Brasil para compartilhar informações essenciais sobre a reinvenção do imóvel para a nova década que se aproxima. "A demanda por metragem no mercado imobiliário encurtou 15% em todo o País. As pessoas, hoje, compram aquilo que precisam", apontou o palestrante. A tendência dos apartamentos menores, é bom que se diga, não vale apenas para os imóveis voltados às faixas de renda mais baixas. "O alto padrão não está mais relacionado ao tamanho. Isso passou", disse Araújo. Mesmo em relação aos terrenos, a metragem menor também é o que se vislumbra. "Terrenos de loteamentos fechados, a partir de 2020, devem ficar abaixo dos 250m²", declarou.

 

 

                                                                        

 

Fonte: Informativo Construir

Contato


captcha
Powered by BreezingForms

Localização


R. José Ferreira da Silva, 43 - Centro, Itajaí - SC ⁞ 88301-335 ⁞ 47 3046-6207